Follow by Email

segunda-feira, 21 de maio de 2012

VOZ IMAGINÁRIA

Local onde os presos políticos de Tarrafal
faziam suas necessidades
foto de arquivo Abril de 2012
 
VOZ IMAGINÁRIA
Celso de Lanteuil
 
Inspirado nos depoimentos de presos políticos
Campo de Concentração de Tarrafal
Ilha da Praia, 10 de Abril de 2012

Estou preso
Prisioneiro no Campo de Concentração de Tarrafal
Ilha da Praia, Cabo Verde
Preso e não sei por que, ou sei?

Escapar da dor é fácil para quem não a sente
Por isso preciso que não esqueçam
Mesmo que seja eu
Essa voz imaginária a dizer

Aqui tentam me isolar do mundo
Esperam que eu perca a noção de que existe vida
Vida do outro lado das celas e muros
De que a liberdade é algo possível e está bem próxima
 
Entre nós fortalece a esperança de que este pesadelo acabe
Que possamos voltar às ruas sem medo
E caminhar ao lado das nossas mulheres, filhos, familiares e amigos
Sabendo que não haverá outro Tarrafal
 
Lisboa Fevereiro de 1978
Tarrafal nunca mais!
Multidão acompanha os restos mortais de portugueses
mortos no Campo de Concentração de Tarrafal
foto da exposição 

Nenhum comentário:

Postar um comentário